ROI, ROO ou ROR: qual desses indicadores de performance analisar em eventos?

6 minutos para ler

Durante todo o processo que envolve a realização de um evento, é fundamental utilizar indicadores de performance para medir resultados e tomar decisões mais eficazes para o negócio.

Existem ferramentas próprias para medir o valor de um evento, o retorno desse investimento e ajudar a determinar se foi um sucesso ou um fracasso. Com esses conceitos, ganha-se experiência e aprende-se a tomar melhores decisões em eventos futuros.

Neste post vocês entenderão qual a função das ferramentas ROI, ROO e ROR e aprenderão a escolher o melhor indicador de performance para mensurar seus resultados. Confira!

Qual a importância dos indicadores para eventos?

O uso de indicadores de desempenho é comum e até mesmo obrigatório na gestão empresarial. Por meio dos KPIs (Key Performance Indicators, na sigla em inglês), é possível controlar se os objetivos de uma ação foram alcançados de forma satisfatória.

Para isso, indicadores como ROI e ROR precisam ser implementados ainda no planejamento de um evento, de forma que a organização os acompanhe em todas as etapas do processo.

Entenda abaixo os principais motivos para adotar KPIs no desenvolvimento de eventos corporativos.

Melhorar a performance da equipe de eventos

A avaliação da própria equipe de eventos da empresa certamente se reflete nos indicadores de performance. Afinal, a partir dessas métricas é possível perceber se as estratégias adotadas para a ação promovida deram o resultado esperado.

Quando os números são positivos, os profissionais sabem que estão no caminho certo e podem replicar a iniciativa em outro momento. Quando o desempenho não é satisfatório, a equipe consegue avaliar por meio de cada índice em quais aspectos falhou e como melhorar sua atuação.

Entregar valor ao público

Os dados gerados pelos indicadores de performance são valiosos para negociações e demonstrações da eficácia e alcance dos eventos. Por meio deles, é possível mostrar ao executivo o potencial da realização de ações de integração e relacionamento para impulsionar os negócios.

Da mesma maneira, as métricas sobre os eventos realizados pela empresa podem mostrar aos investidores como esse é um instrumento que pode dar resultados palpáveis para o fechamento de novas parcerias.

Desenvolver ações mais efetivas

Para que KPIs como ROI, ROO e ROR sejam estabelecidos, é fundamental ter antes um propósito bem definido para o evento. Isso faz com que a equipe estabeleça um planejamento muito mais sólido e com metas claras.

O resultado desse plano bem estruturado, junto com os dados originários de eventos passados, garante que as ações desenvolvidas posteriormente sejam muito mais eficazes.

Adotar indicadores de performance traz à gestão de eventos corporativos uma visão panorâmica sobre todos os aspectos envolvidos na iniciativa e sobre as alternativas para otimizar cada um deles.

Quais são os principais KPIs de eventos?

Para que os resultados de um evento sejam avaliados de forma realmente efetiva, é fundamental conhecer e utilizar os indicadores de performance corretos. Do contrário, a organização pode ficar sujeita às “métricas de vaidade”, que são índices superficiais, incapazes de demonstrar os lucros relevantes para a empresa.

As siglas ROI, ROR e ROO são representativas dos 3 principais KPIs para eventos. Vocês vão entender melhor cada uma delas abaixo.

ROI

ROI (em inglês, return on investmentafere os resultados financeiros de um evento. É uma medição quantitativa, ou seja, um cálculo matemático que expressa em porcentagem os resultados. Pode-se, genericamente, utilizar uma fórmula para obter os números: (arrecadação total – investimento) / investimento x 100.

Quanto maior for o número resultante desta fórmula, melhor está sendo o retorno financeiro do evento. Um resultado positivo atrai investidores porque significa ganho, enquanto valores negativos devem preocupar os organizadores do evento, já que demonstram prejuízo.

ROO

Diferente do ROI, o ROO (em inglês, return on objectives) é uma análise qualitativa dos resultados do evento. Ele determina se os objetivos definidos ainda na fase de planejamento do evento foram atingidos de maneira satisfatória.

Para tanto, é preciso que estejam claras as metas que deviam ser alcançadas com o evento. Uma forma de medir o ROO é por meio de pesquisas de opinião direcionadas a todos os envolvidos após o evento. Esse é o indicador recomendado caso se queira avaliar algo que é intangível, e não financeiro.

Uma das maneiras de analisar os dados do ROO é criar metas percentuais para os objetivos. Por exemplo, que, após o evento, pelo menos 70% dos participantes classifiquem a experiência como satisfatória ou que no mínimo 50% tenham percebido desenvolvimento em uma competência socioemocional.

ROR

O ROR (em inglês, return on relationshipsé a mensuração do sucesso de um evento por meio da criação de relacionamentos valiosos. Quanto melhor for esse índice, maior a probabilidade de os relacionamentos desenvolvidos no evento gerarem resultados futuros.

Entre esses resultados, podemos citar a lealdade à marca, o engajamento dos colaboradores com a empresa, recomendações e compartilhamento de informações positivas em redes sociais.

Se bem aplicado, o ROR pode trazer visitantes e clientes em potencial para uma empresa ou uma marca de forma orgânica — sem necessidade de alternativas de marketing pago. Embora não traga retorno financeiro imediatamente, pode garantir uma valorização no futuro se a estratégia do evento foi acertada.

Mensurar o ROR é bastante desafiador, porém esse KPI é muito interessante para eventos corporativos. A análise pode ser feita observando engajamento em redes sociais, aumento no número de seguidores, melhora da reputação da empresa em sites de avaliação e aumento de clientes originários por recomendação.

Essa observação é realizada a longo prazo, considerando o impacto da organização em seu público-alvo e na sociedade como um todo.

Quando usar cada indicador de performance?

Quando se quer apurar o retorno financeiro do evento, ou seja, se os lucros foram superiores aos custos e se o orçamento foi respeitado, o melhor indicador é o ROI.

Porém, caso a intenção seja determinar se o evento atingiu objetivos específicos que foram definidos durante o processo de planejamento, não sendo ligados à área financeira, o indicador precisa ser o ROO.

Quando o objetivo for medir o alcance do evento nos meios de comunicação e sua repercussão positiva, principalmente por meio das interações nas redes sociais, o melhor indicador é o ROR.

Percebeu a importância de investir na análise dos resultados por meio de indicadores de performance, como o ROI, o ROO e o ROR? Além disso, envolver toda a sua equipe desde o planejamento até a aferição dos resultados é fundamental para obter os melhores efeitos, que geram as melhores decisões para eventos futuros.

Gostou do texto e quer ter acesso a outros conteúdos como este? Então não deixe de assinar nossa newsletter!

Você também pode gostar

Deixe um comentário