Descubra 10 dicas de como fazer networking em eventos

7 minutos para ler

1. Desenvolva conversas coerentes

Sabe aquelas pessoas que, na hora do nervosismo, falam coisas sem nexo? Pois, então, não sejam esse tipo de profissional. Para não ter erro, apostem em assuntos que vocês dominam e que sejam pertinentes ao evento. Claro que podem surgir assuntos pessoais, mas evitem focar em episódios embaraçosos. Lembre-se que, normalmente, é a primeira impressão que fica.

Além do mais, tenham cuidado quando forem abordar alguém. Para iniciar um diálogo, sejam simpáticos e certifiquem-se de que a outra pessoa esteja interessada em bater um papo. Se perceber uma resposta muito superficial, ou até curta demais, talvez seja ideal encerrar a conversa. Não existe um segredo aqui — apenas tenham certeza de que existe receptividade.

2. Pesquisem sobre o evento

Nada melhor do que uma boa pesquisa para obter sucesso no networking. Verifique, nesse sentido, qual o público-alvo do evento de negócios, além de procurar informações sobre os palestrantes e também sobre os temas que serão abordados nos simpósios. Assim, você estará preparado para desenvolver uma conversa atrativa.

Porém, não parem por aí. É preciso que vocês estejam antenados sobre os últimos acontecimentos da atualidade. Afinal, é natural bater um papo sobre assuntos do cotidiano e até de banalidades.

3. Evitem o uso excessivo de celular

Não há dúvidas de que os aparatos tecnológicos revolucionaram a comunicação em geral. Os aplicativos de conversa instantânea, no estilo WhatsApp, por exemplo, contribuem para uma comunicação efetiva e ágil.

Porém, quando utilizada inadequadamente, a tecnologia pode ser um verdadeiro tiro no pé. O motivo? Os usuários deixam de focar na realidade e vivem em um mundo paralelo, ou melhor, em um universo virtual.

Assim, em vez de promover diálogos proveitosos pessoalmente, as pessoas se concentram nas telas dos aparelhos eletrônicos e perdem oportunidades valiosas. Por isso, evitem o uso demasiado do telefone nos eventos, pois eles podem atrapalhar — e muito — a desenvolver um bom networking.

4. Entrem em contato após o evento

Não pense duas vezes para solicitar o cartão dos convidados, lembrando depois de entrar em contato com a pessoa — seja por e-mail, seja por telefone. O importante é demonstrar que vocês têm interesse em manter o relacionamento profissional, buscando expandir os horizontes.

Tenham sempre em mente que esses contatos apresentam-se como uma excelente oportunidade de se manter atualizado, trocando experiências e novidades sobre a sua área de atuação.

5. Tenham cartões de visita em mãos

Por incrível que pareça, muitos acabam não levando cartão de visita para um evento de networking. A não ser que vocês não desejem ampliar seus contatos (nesse caso, não seria interessante ir ao evento), estejam sempre preparados. Se ainda não têm cartão, esse é o melhor momento — façam um bem especial para o evento.

Outro erro bastante comum é levar uma pequena quantidade de cartões e ter que dizer que os seus cartões acabam. Se vocês chegarem cedo ao evento, tenham certeza de que podem falar com mais de cinquenta pessoas. Portanto, não tenham medo de levar um grande volume de cartões no bolso.

Outro detalhe fundamental é saber que cartão de visita não é panfleto. Se você deseja apenas passar distribuindo os cartões, entenda que essa não é a melhor situação. O propósito deve ser sempre fazer contato e não trocar papéis, certo? O cartão é como um lembrete da conversa que vocês começaram com as pessoas pessoa. Outra dica valiosa é usar o próprio cartão da pessoa para fazer anotações e lembrar-se do que falaram.

6. Aproveitem os momentos de intervalo e coffee break para ter conversas informais

Normalmente, os eventos oferecem um intervalo ou uma pausa para coffee breaks. Os lugares de coffee breaks costumam ser bastante movimentados, o que rende ótimos negócios. Os papos geralmente são mais informais e descontraídos, uma vez que as pessoas estão felizes ao fazerem um lanche. Então, aproveitem esse momento para trocar ideias com as pessoas.

7. Evitem ficar muito tempo parados no evento e conversando com uma única pessoa

Circulem pelo evento a todo o momento. Evite passar muito tempo apenas com uma pessoa ou com pessoas que vocês já conhecem e jamais fiquem parados. Saiam em busca de pessoas novas, afinal, em grandes eventos, saiba que oportunidade é o que não falta, então basta se movimentar e ir atrás delas.

Lembrem-se também de que nos dias de hoje, tempo é dinheiro. Muitos vão a eventos após um longo dia de trabalho e estão bem cansadas, então sejam breves e falem apenas o que realmente for relevante. A conversa bem detalhada e extremamente longa pode ficar para uma reunião na semana seguinte, certo?

8. Adicionem os novos contatos nas redes sociais

Ativar o contato significa falar com a pessoa novamente depois do evento. Durante o evento, vocês estarão em contato com muitas pessoas em um tempo bem curto, podendo não se lembrar de todos.

Então, separem os contatos que vocês acham relevantes e adicione-os em redes sociais como Instagram, Facebook e, principalmente, LinkedIn. Curta as páginas de suas empresas e, se puderem, façam comentários em algumas postagens — tenham muito cuidado para isso ser um processo bem natural, e não forçado, ok?

9. Vençam a timidez: dê o primeiro passo

Você é tímido? Então, tenha certeza de que essa é uma excelente oportunidade para desbloquear seu potencial de comunicação. Nesses eventos, todos estão bem ansiosos para começar um bate-papo e conhecer novas pessoas, portanto, vocês sempre serão bem recebidos ao se apresentarem.

Contudo, qual a melhor forma de iniciar o contato? Bom, é bem mais simples do que vocês pensam. Aproxime-se e iniciem dizendo a famosa frase “Oi, tudo bom? Eu sou o José, qual seu nome?”, “O que a sua empresa faz?”. Pronto, você iniciou a conversa.

10. Saibam ouvir

Ouvir é tão fundamental no networking em eventos quanto falar. Não criem monólogos intermináveis sobre suas carreiras ou sobre suas vidas, pois isso pode ficar bem chato. Além, é claro, de passar um sentimento de prepotência à pessoa que está ouvindo. Até porque ninguém quer perder tempo, concorda?

Todos os profissionais estão buscando oportunidades, então aprendam a ouvir para saber se existe empatia entre os objetivos. Muitas vezes, ouvir o que o outro quer dizer faz com que você aprenda muito mais do que se estivesse apenas falando. Ouça as experiências das pessoas e aproveite as oportunidades.

Fato é que não existe uma fórmula mágica que responda à questão: “como fazer networking em eventos?”. Porém, ao colocar em prática essas ações, usando sempre o bom senso e sendo carismáticos, com certeza vocês conseguirão construir relacionamentos profissionais promissores.

Gostaram do conteúdo e querem saber mais sobre eventos corporativos? Então, não percam mais tempo e descubram os nossos serviços!

Você também pode gostar

Deixe um comentário